Bullying Virtual : como agir?

Escrito por Thaís Bechara. Publicado em Pais e Filhos.

I

Bullying virtual. Isto é um problema! Implicância sem motivo, xingamentos, apelidos desagradáveis...

Os agressores são cruéis! Nada passa despercebido. Pode ser uma roupa, os óculos, um jeito.

O psiquiatra Gustavo Teixeira e autor do livro Manual Antibullying afirma que atualmente, a internet é o meio mais utilizado para a prática de bullying. É muito fácil divulgar fotos, vídeos, textos. Basta um click!

O agressor acredita na impunidade dos atos e se acha superior a todos. Maltratar o outro é seu objetivo.

Nesse caso, família e escola precisam ficar atentos e tomar as devidas providências.

Professor faz isso todo dia!

Escrito por Thaís Bechara. Publicado em Educadores.

Era uma manhã ensolarada. Dia perfeito para uma caminhada no parque!

Durante o percurso, lá estavam pessoas circulando entre alguns animais e muitas árvores e flores.

Na deliciosa tarefa de observar tudo o que se passa a minha volta, deparei-me com três professoras e um grupo de crianças que cursavam o 1°ano B do Ensino Fundamental.

A maior preocupação das professoras que acompanhavam a garotada era manter a turma sob os seus olhares vigilantes enquanto caminhavam. Sempre juntos!

Existia uma ordem presente: ninguém podia se afastar. Um olhar no início da fila, outro no meio e outro lá no final garantiam o cumprimento da regra.

Conversando com Educação - 2013. Desenvolvido por