Um filme, uma história e um professor

Escrito por Thaís Bechara. Publicado em Educadores.


Hoje dia 15, é mais um dia  no mês de outubro. É o Dia do Professor!

 

Então nada melhor do que falar daquele lugar localizado ENTRE OS MUROS DA ESCOLA e do inesquecível  MEU MESTRE, MINHA VIDA.

Professor João, Mestre José ou MR. HOLLAND, O ADORÁVEL PROFESSOR... Tanto faz como é chamado, simplesmente porque é esse o profissional que consegue deixar marcas na vida do seu aluno, tenha ele ou não UMA MENTE BRILHANTE.

Concordo com algumas pessoas que acreditam que um professor é um GÊNIO INDOMÁVEL e que sabe traduzir, com muita sabedoria A LÍNGUA DAS MARIPOSAS.

AS MENTES PERIGOSAS, desses profissionais, revelam os saberes interiorizados naquele grupo de estudo parecido com o CLUBE DO IMPERADOR ou com a SOCIEDADE DOS POETAS MORTOS.

COM MÉRITO, o professor faz da sua vida um DUELO DE TITÃS e sabe exatamente a diferença entre SER E TER.

Que professor não sabe que PRO DIA NASCER FELIZ é preciso ouvir A VOZ DO CORAÇÃO,  estar preparado para pagar O PREÇO DO DESAFIO e  ser craque em decifrar O ENIGMA DE KASPER HAUSER  diariamente?

Todo professor sabe como questionar O LÍDER DA CLASSE e percebe o quanto os alunos dão importância para A HORA DO RECREIO.

Pode ser que QUEM NÃO COLA NÃO SAI DA ESCOLA, mas como SOMOS TODOS DIFERENTES  vamos respeitar o jeito de cada um.

O professor sabe a hora de sair de cena e deixar o espetáculo acontecer, e é por isso, que, hoje, você é o protagonista dessa história.

Cada título de filme que ajudou a compor esse texto tem a ver com você. E essa é a nossa homenagem a todos os professores que conhecem  a importância de aprender enquanto ensinam.

Parabéns AO MESTRE COM CARINHO!

Elogiar pra quê?

Escrito por Thaís Bechara. Publicado em Educadores.

Desde o nosso tempo de escola, sabemos o quanto os elogios são fundamentais na formação de qualquer indivíduo.

Uma boa palavra é sempre bem-vinda, pois promove a autoconfiança e incentiva o enfrentamento de desafios. Mas que efeitos surtem os elogios?

Qualquer elogio deve ser verdadeiro, específico, claro e sempre deve estar relacionado à ação e não as características da pessoa. Isso quer dizer que no lugar de rotular uma pessoa o mais eficiente é descrever o que existe de bom e informar o que pode ser melhorado.

Telma Vinha, professora de Psicologia Educacional da Unicamp, na revista Nova Escola do mês de abril (edição 279, p.20), foi questionada sobre como incluir elogios no caderno dos alunos. Leia o que ela pensa sobre esse assunto.

Conversando com Educação - 2013. Desenvolvido por